Átila Abreu conquistou neste domingo a sua segunda vitória na temporada-2017 e a décima na Stock Car ao receber a bandeirada final em primeiro na segunda bateria em Goiânia. Este ano, o sorocabano já havia vencido a segunda prova no Velo Città.

Com os pontos somados na rodada dupla goiana, o piloto da Shell Racing ainda tem possibilidades de chegar ao vice-campeonato, embora dependa de uma improvável combinação de resultados: vitória e 18º lugar do atual vice-líder Thiago Camilo.

Depois dos problemas na classificação, Átila partiu com tudo na primeira corrida. Após largar em 17º, o piloto do carro #51 rapidamente evoluiu na classificação, a ponto de chegar ao 12º lugar antes da janela obrigatória de reabastecimento.

Depois de um rápido pit stop, Átila subiu para a décima posição e ali permaneceu até a bandeirada, garantindo assim a posição de honra no grid de largada da segunda bateria.

Com uma atuação perfeita desde a largada, Átila liderou a segunda prova praticamente de ponta a ponta. Como usou muitas vezes o botão de ultrapassagem na prmeira bateria, o sorocabano teve de segurar os disparos, mas mesmo assim abriu vantagem.

Isso ajudou Átila a manter a ponta mesmo depois de um reabastecimento um pouco mais demorado. Nas voltas finais, Átila sofreu o ataque de Max Wilson, mas guardou o último disparo do push to pass para a volta final e confirmou a vitória.

A última corrida da temporada da Stock Car será disputada no dia 10 de dezembro, em Interlagos.
O que disse Átila Abreu:

“Goiânia passou a ser a minha pista favorita! Desde que a Stock voltou para cá em 2014, já foram duas poles e a segunda vitória e outros pódios. Uma pena o problema de motor na classificação, mas trocamos para hoje e o possante ficou muito bom. Fico feliz com a vitória, foi um bom passo para terminar o campeonato entre os três primeiros. Ainda temos uma pequena chance de tentar o vice-campeonato. Vamos trabalhar para chegar tinindo a Interlagos na última corrida. Usei muitos pushes na primeira corrida, então na segunda corrida tive de administrar no final e foi uma corrida muito desgastante. Agora é focar para São Paulo mas também para 2018”
Classificação do campeonato:

1º D.Serra – 325 pontos
2º T.Camilo – 306
3º Á.Abreu – 254
4º M.Wilson – 236
5º F.Fraga – 222