A Corrida do Milhão não foi o que Átila Abreu esperava, e, com um problema na volta de apresentação, e depois uma punição, cruzou a linha de chegada em 21º lugar. O sorocabano ainda é o décimo colocado na classificação geral da Stock Car após seis etapas.

Átila teve a corrida tumultuada antes mesmo da largada, quando seu carro ficou parado no grid na saída da volta de apresentação. O carro entrou no modo de segurança e, mesmo saindo com atraso, o sorocabano conseguiu sair na sua posição de origem na quinta fila.

Nos primeiros metros de prova, Átila se posicionou por fora na aproximação para a curva 1, e pulou para oitavo. Com um ótimo ritmo de corrida, o sorocabano chegou até o sexto lugar antes do primeiro pit stop obrigatório, para troca de pneus.

Na volta, Átila recebeu a notícia de um drive through por ele ter voltado à sua posição de origem depois que o último colocado no grid o ultrapassou, apesar de outro piloto, Antonio Pizzonia, ter ficado parado atrás do piloto da Shell V-Power.

Com uma volta de atraso após a punição, restou a Átila se manter na pista para tentar marcar algum ponto. Mesmo com um bom comportamento do carro #51, o sorocabano completou apenas na 21ª colocação.

Átila Abreu volta a acelerar o carro #51 daqui a duas semanas, na rodada dupla de Campo Grande.

 

O que disse Átila Abreu:

“Perdemos a corrida para nós mesmos. Uma pena, porque eu brigaria pela vitória. Paguei um drive through, voltei um pouco atrás de onde eu estava, mas mesmo assim eu tinha um bom ritmo no fim. A estratégia estava boa, o carro estava bom. Vencer eu não sei se venceria, mas certamente chegaria no pódio. Uma pena perder para você mesmo. Quando eu saí, vim acelerando para recuperar a posição porque o (Antonio) Pizzonia também não alinhou, e diz a regra que, se você não é ultrapassado pelo último colocado, pode retomar a posição, e no meu entendimento ele era o último. Daí larguei certinho, ganhei posições mas aí avisaram que se o outro carro ficou parado, não conta”

 

Classificação do campeonato*:

1º D.Serra – 163 pontos
2º M.Gomes – 127
3º M.Wilson – 120
4º R.Barrichello – 115
5º F.Fraga – 113
6º J.Campos – 89
7º C.Bueno – 80
8º R.Zonta – 68
9º L.di Grassi – 68
10º Á.Abreu – 65